1 Fazer pequenas pausas durante os estudos traz benefícios para a saúde mental | Educação Infantil e Ensino Fundamental Bilíngue em Osasco
  • Educação Infantil e Ensino Fundamental Bilíngue em Osasco
  • Ed. Infantil: (11) 3683-3785 I Ensino Fundamental: (11) 2925-6836
30/03/2022 06:33

Fazer pequenas pausas durante os estudos traz benefícios para a saúde mental

 

Por muito tempo, se entendeu que estudar por longas horas era a melhor alternativa para os estudantes. Contudo, quantidade de estudo não é o mesmo que qualidade de estudo, principalmente quando falamos de educação infantil.

Crianças que estudam por longas horas não apresentam o melhor desempenho escolar – na verdade, tem maior chance de piorar sua saúde física e mental. O descanso nos estudos não é apenas recomendado, é essencial.

E como a pausa para descanso traz benefícios para a rotina de estudos do seu filho? Prossiga com a leitura do artigo e entenda mais sobre!
 

Por que o descanso nos estudos é recomendado para a educação infantil?


“A sociedade está acostumada a ser produtiva constantemente e essa noção acaba sendo passada para nossos filhos.”

Sociedade do cansaço. Cultura da produtividade. Esses são dois termos que denunciam como a nossa sociedade se estrutura: temos que ser constantemente produtivos, sem pausas.

O que se vê normalmente é que são condenados os momentos de descanso ou desaceleração da rotina. Isso não só afeta a nossa saúde, como também cria a culpa quando paramos nossas atividades.

Esse tipo de situação deve ser evitada na rotina de estudos do seu filho. Ao estudar longas horas sem parar, o aluno acaba afetando a saúde física e mental e até negligenciando as suas relações com amigos e familiares.

Isso leva ao estresse, à ansiedade e até mesmo ao burnout, fora que afeta o desenvolvimento infantil. Afinal, o aprendizado não é plenamente realizado!
 

Cérebro cansado não aprende


A ideia de estudar sem parar pode ser atrativa para alguns, mas é o pior caminho para aprender. Sem o descanso nos estudos, o cérebro não consegue mais absorver novos conteúdos. Com isso, o desempenho escolar cai consideravelmente.

O recomendado é adotar um estudo qualitativo e não um quantitativo, baseado apenas na quantidade de horas estudadas. Estudar 3 horas com pausas para descanso pode render mais do que 6 horas ininterruptas.

 

O descanso evita o cansaço mental e a falta de concentração


A importância do descanso nos estudos reside em dois pontos: evita o cansaço mental e a falta de concentração. Esses dois afetam o desempenho escolar, reduzindo-o consideravelmente.

Com uma mente cansada e sem concentração, a criança não consegue se dedicar ao que está estudando. É como se ela não tivesse “bateria” – e assim como um celular, seu desempenho cai até desligar completamente.

Ou seja, é mais do que importante “recarregar as baterias” durante a pausa para descanso!
 

Como ter um descanso durante a rotina de estudo?


Como dito antes, seu filho deve ter um estudo qualitativo, não quantitativo. Para começar, é necessário estabelecer o tempo máximo de estudo diário que o seu filho deve ter. Não se guie pelas rotinas de outras crianças – entenda os limites do seu filho.

O tempo máximo de estudo diário pode ser de 4-5 horas – se for muito pesado, estabeleça uma menor carga horária. Descubra qual é o limite do seu filho, de forma que ele não fique mentalmente esgotado ou não aprenda nada.

Depois, estabeleça os momentos de pausa, que devem ser curtos, mas regulares. Nesse caso, entra o método pomodoro, que consiste em 25 minutos de estudo e 5 minutos de pausa.

O método pomodoro é baseado em ciclos e na primeira hora de estudo, são 25 minutos de atividade e 5 de descanso. No próximo ciclo, são 30 minutos de atividade e 15 de descanso e por aí vai.
 

As pausas devem ser bem aproveitadas para tudo funcionar


Para o método pomodoro, ou qualquer outro, realmente funcionar, a pausa deve ser bem realizada. Por exemplo, não vale sair das atividades para cansar a vista utilizando o celular – isso não promove descanso algum.

Também não é bom ficar à toa, já que isso gera pouca produtividade. Durante a pausa, a criança deve ser ativa, fazendo alguma atividade física, realizando caminhadas, lendo algum livro, brincando ou outra atividade.

A pausa é um momento para realizar atividades confortáveis que façam a criança voltar à produtividade.
 

O que fazer nas pausas de estudo?


O que fazer nas pausas de estudo? Há muitas atividades, como dar uma volta pela casa, conversar com outra pessoa, ir para a cozinha, se deitar um pouco e por aí vai. Há outras que se encaixam na pausa criativa.

A pausa criativa se trata do tempo de descanso dedicado a uma atividade que estimula as áreas cerebrais para a satisfação, criatividade e bem-estar. E o que fazer nas pausas de estudo criativas?
  • Praticar um hobby;
  • Realizar leituras não didáticas;
  • Atividades ao ar livre e/ou em grupo;
  • Realizar uma atividade fora da rotina.

De qualquer forma, você deve ter atenção ao relógio, de forma que seu filho não utilize demais do tempo de descanso.
 

Quando saber a hora de descansar?


O momento de descanso é fácil de identificar: é quando o seu filho começa a ler o mesmo trecho várias vezes para entendê-lo ou quando comete erros bobos nas atividades. Nesse momento, a pausa é essencial.

Contudo, para uma melhor educação infantil, você não deve tirá-lo de uma atividade para colocá-lo na frente de um celular ou computador[1] . Ao invés disso, o coloque em atividades que realmente promovam algum descanso!

 
 
Comente esta publicação!

Nome:
E-mail:
Comentário:
Digite os caracteres abaixo:


X
RECUPERAÇÃO DE SENHA
E-mail:
Preencha o campo acima com seu e-mail de cadastro para receber uma nova senha.
Ok