1 Dicas para lidar com as notas baixas dos filhos | Educação Infantil e Ensino Fundamental Bilíngue em Osasco
  • Educação Infantil e Ensino Fundamental Bilíngue em Osasco
  • Ed. Infantil: (11) 3683-3785 I Ensino Fundamental: (11) 2925-6836
18/07/2022 22:05

Dicas para lidar com as notas baixas dos filhos

Saber a maneira correta de como lidar com as notas baixas dos nossos filhos é algo que exige muito diálogo e cautela.

Diálogo porque não existe nenhuma criação sem boas conversas, com compreensão, escuta ativa e, é claro, exemplo. Cautela porque avaliações com notas baixas podem indicar algum tipo de dificuldade na aprendizagem do conteúdo ensinado ou apenas o aparecimento de alguma situação complicada que o seu filho está enfrentando.

Mas, você sabe de que forma mudar essa situação?

Questione-se se em algum momento da criação você errou em algo ou repense se a escolha da instituição de ensino foi assertiva.

Mas, mantenha a calma! Esses sentimentos são normais e a grande maioria dos pais terão que lidar com essas situações.

No artigo de hoje, você vai aprender algumas maneiras de lidar com as notas baixas dos seus filhos para ajudá-los nesse momento mais delicado. Continue a leitura conosco!
 
 

O que eu faço quando meus filhos estão com notas baixas?


Veja abaixo algumas dicas para saber como lidar com a situação das notas baixas sem se desesperar e sem prejudicar ainda mais as suas crianças.
 
 Mantenha a calma

Você sabe como agir quando o seu filho tira notas baixas na escola? A primeira dica que temos para você é: tente diminuir a sua ansiedade.

As notas escolares nada mais são do que a média temporária de aprendizagem do seu filho naquele determinado momento. Então, antes de se desesperar, busque entender o motivo daquela avaliação.

Na grande maioria dos casos, o problema das notas baixas pode ser bem mais simples de ser resolvido do que você imagina. Fazer com que a criança consiga realizar as tarefas de casa ou colocá-lo em um reforço escolar já pode auxiliar na melhora do desempenho escolar.

Portanto, mantenha a calma! Tente controlar o seu nervosismo e só depois, converse sobre o que está acontecendo com o seu filho.
 
 

Converse com o seu filho e procure entender os motivos que o fizeram tirar notas baixas


Não importa qual seja o problema que o seu filho estiver passando, o melhor caminho para buscar uma solução é o diálogo. Graças a ele, você vai conseguir seguir para os próximos passos.

Profissionais afirmam que ao agir por impulso ou reprimir a situação, poderá desmotivar ainda mais o seu filho e piorar ainda mais a situação.

Portanto, conversar é o ideal para que o seu filho compreenda que com humildade e um pouco de esforço os resultados negativos podem ser superados.
 
 

Tenha empatia

Procurar entender sobre os sentimentos do seu filho e não exigir que ele entregue 100% de perfeição todo o tempo é algo fundamental pra você estreitar os laços e fazer com que ele se sinta mais confortável para conversar com você sobre o que está acontecendo.

Mesmo que você não esteja contente com as notas baixas, evite pressionar a criança por conta disso. Da mesma forma que os adultos sofrem ao serem pressionados, as crianças também sentem.

Portanto, ensine o seu filho e oriente-o a cumprir suas responsabilidades escolares para que assim, possa aprender com seus erros.
 
 

Entre em contato com os professores e com a instituição de ensino


A escola e a família precisam andar lado a lado durante o ensinamento das crianças, isso é um fato!  Por isso, é muito importante que os pais busquem sempre conversar com os professores de seus filhos para saber mais sobre o seu comportamento em sala de aula ou para entender melhor suas dificuldade de assimilação do conteúdo.

É muito importante lembrar que quando os pais vão até a escola, a parceria entre pais e professores se firma e eles conseguem ter a visão de quem está ensinando e também de quem convive diretamente com a criança.

Outro fator que também merece atenção é a presença de vocês, pais, na escola, faz com que os alunos tenham a constante sensação de estar bem amparados no cumprimento de suas responsabilidades escolares.

Ah, também é muito importante que você participe da vida escolar do seu filho! Participe das reuniões escolares, das apresentações do seu filho e de qualquer outro compromisso da instituição escolar.

Se aproximar das atividades escolares do seu filho facilita que você entenda a sua rotina e saiba realmente como ele se sente no ambiente escolar.
 
 

Saiba reconhecer as melhorias


Saber reconhecer as melhorias de seus filhos é fundamental, assim como ajudá-los nos momentos em que estiverem com notas baixas. Mas, se após conversar com ele, seu desempenho melhorar, saiba elogiá-lo.

Parabenize seu filho e diga que sinta orgulho dele e de seu desenvolvimento. Faça com que a criança entenda que todo o seu esforço vale sim a pena.
 
 

Conclusão


Conseguiu entender como a combinação de presença, empatia e diálogo é essencial para o crescimento do seu filho?

É muito importante que você demonstre interesse pela vida escolar do seu filho e compreenda que as dificuldades são comuns. Se você apostar na combinação acima, terá a certeza de que as notas baixas não passarão de um obstáculo superado com sucesso pelo seu filho.
Comente esta publicação!

Nome:
E-mail:
Comentário:
Digite os caracteres abaixo:


X
RECUPERAÇÃO DE SENHA
E-mail:
Preencha o campo acima com seu e-mail de cadastro para receber uma nova senha.
Ok